quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Parts of you - your smiles


Você tem 10 sorrisos .
Usa um , quando realmente ri de alguma coisa , engraçada .
Tem outro , irônico e convincente a ponto de quase ninguém notar o que ele realmente quer dizer .
Mais outro , quase automático , que usa para se mostrar simpático .
E outro que surge em sua face , de maneira maliciosa .
Um serve para deixar os outros sem graça , já que consegue calar qualquer um com o simples arquear de suas bochechas , e seus olhinhos fechados de uma maneira suave , te deixando com um semblante frágil .
Um outro , aparece poucas vezes , é rígido . Esconde , tenta camuflar lágrimas que teimam em escapar .
O sétimo surge quando você concorda com algo , como se afirmasse tudo aquilo que tentou demonstrar a muito tempo .
O oitavo vem de repente , quando você reconhece algo bom . Um cheiro , um sabor , uma música , um olhar .
O nono aparece quando você está sem graça , quando não sabe mais o que dizer , ou percebe que será inútil continuar . Este é tão irresistível .
O de número dez , é meu preferido . Se forma quando você encontra o meu sorriso .
Garanto a você , que ninguém mais os conhece tão bem . Eles são únicos , são seus , e ao mesmo tempo , tão meus .





- Fandom : " Um encontro com seu ídolo "

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Frio .


Ultimamente , tenho sentido frio . Um frio que me consome e gela meu corpo até os últimos fios de cabelo , que estremece meus lábios , arrepia meu pelos , dificulta meus suspiros , e , de maneira lente , mas constante , congela meu coração . Cada movimento inconsciente , parece que se contrae , se limita . Cada comando que surge em minha mente se retarda . Funciona como uma câmera lenta , mas esta , mina minhas energias , me traz fome . Fome de amor , de atenção , de emoção . Fome de calor . Não diria que não o sinta nunca , porém , este vem em pequenas doses , vira vício , ou algo do tipo . Porém ao contrário de uma droga , não faz mal e sim traz vida . Tão vital . Pouco real .
É como se gerasse impulsos , mantendo meus batimentos ritmados , mesmo estando lentos . Me asfixia qualquer ideia de solidão , de falta desta minha morfina , hoje responsável por manter a opaca cor de minha pele , o líquido castanho de meus olhos , e reflexos de sol em meus cabelos . Tudo simples , e escasso , que aos poucos se dissolve como açúcar na água , gelo no calor . Escorre por entre meus dedos , e se espalha com o vento , levando vestígios para longe . Longe de você .

sábado, 14 de agosto de 2010

Egoísmo II .


Não adianta querer esconder de você meu coração , no meu bolso , onde ficará quente e confortável , não adianta , você o encontrou . O roubou . Pegou pra você . Não , isso não foi justo . Agora ele está com você , e eu não sei como resgatá-lo . Eu poderia ter resistido um pouco mais , lutado contra você . Preferia ter te deixado mais afastado , longe de mim , onde qualquer tentativa de aproximação fosse prevista . Eu poderia ter feito algo a respeito , não imagina o quanto me arrependo disso . Assim , tudo seria mais fácil , não acha ? Pouparia lágrimas , sofrimentos , noites sem dormir . Sinceramente , eu preferiria minha vida assim .
Eu poderia sim , viver sem seu sorriso , seu conforto , suas palavras , seu jeito , porque eu nunca o teria conhecido . Agora tudo fica mais difícil , eu já tive tudo isso um dia . Não ter , é ruim , eu não posso deixar de querer tudo isso de volta , embora , sinceramente , eu não possa conseguir .
Me pergunto se isso tudo , acontece da mesma forma com você , eu espero que não . Não tem jeito , por mais magoada que eu esteja , nem penso em te ver mal desta maneira .
Se eu tivesse sido mais coerente e encarado os fatos de uma maneira mais fria , veria que você sim , já era feliz e não por minha causa . Talvez minha constante presença lhe trouxesse um pouco mais de paz , vestígios de alegria , mas hoje vejo que não passou disso . Sabe , é contraditório , pra mim tudo mudava . Meu dia tinha um pouco mais de cor , sabor . Ou quem sabe , mais vida . Tudo era diferente , incomum . Agora percebo que meu céu cor de chocolate perdeu muito , não é mais tão intenso . Talvez isso seja bom pra mim , quem sabe eu consiga aprender algo .
Entendi que as únicas pessoas que eu preciso na vida , são as que precisam de mim nas dela , já não sei se você me quer por perto , sinto que não faz mais tanta diferença como antes . Você cresceu , fico feliz com isso , mas abandonou um pouco de seu passado , que hoje está estagnado onde você deixou . Sente-se bem com isso ? Eu realmente espero que não . Sabe , eu não queria te dizer isso um dia , esperava que não fosse preciso . É difícil não poder compartilhar minhas ideias , e ver o que realmente é importante pra mim , para nós .
Não me obrigue mais a usar o singular, prefiro adotar algo menos doloroso para mim . Ignorar os fatos , não será fácil , mas quando isso acontecer , você pode começar a se preocupar .

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Egoísmo .


Você me confunde. Em um momento , me faz me sentir bem , e ignorar por alguns instantes , tudo aquilo de ruim que me assombra a muito tempo , porém , em alguns outros , me deixa completamente angustiada , com medo e aflita , se tornando o principal problema de minha vida . Você é questão , e solução . Me atinge diretamente ouvir seus medos , anseios . Tudo isso vira parte de mim , a parte mais obscura do meu ser . Mas você me ilumina , muda minha expressão em poucos instantes . Coloca em dúvida minhas escolhas , e fixa minhas bases . Me faz sonhar , mas também ter pesadelos . Você muda tanta coisa . Não diria que és o meu maior bem , já que de um tempo pra cá tem se tornado menor , menos brilhante , isso me preocupa , tenho medo de que perca sua essência , por meio de influências que definitivamente , não te fazem bem . Talvez seja culpa minha , inteiramente minha .
Eu não quero te mudar , por favor , não . Mas preciso te manter , nem que só reste migalhas do que foi para mim um dia , pois meu amor , mais forte que eu mesma , se encarregará de manter em minha memória tudo o que já foi , pois é isso , somente isso , que me faz ainda acreditar em você .
Tentei te guardar , te proteger , te manter inteiro só pra mim , mas você se desfez em questão de dias , e escorreu por entre meus dedos . Arrancou lágrimas de meus olhos secos , que a muito , se recusavam a liberar alguma expressão . Você tirou , de uma maneira cruel , uma parte de mim . Me pergunto , até hoje , se fez de propósito , ou inconscientemente . Prefiro acreditar na segunda opção . Não sei se ainda tenho tempo , de recuperar tudo isso , mas saiba que cada pulsação fraca de meu coração , servirá de consolo , me fará lembrar do quanto ele um dia foi forte . Trará de volta todos os sorrisos perdidos , que agora não são mais exclusivamente meus . Encontrar curativos , vai ser difícil . Nem sei mais se quero procurá-los .

sábado, 7 de agosto de 2010

Fechada .


Eu sou extremamente exagerada em tudo . Minhas dores me matam , meus amores duram quase que para sempre , minhas alegrias servem como um dose de energético que circula em minha veias , faz meu coração se acelerar e meus olhos brilharem ; minhas conquistas são de um valor tão grande , que as vezes até me esqueço do que perdi . Queria grifar na maioria das vezes , somente as partes boas disso . Por um lado , é bom , mas momentâneo . Nem tudo é tão perfeito . Sou alguém egoísta , que se recusa a até mesmo dividir as minhas dores com alguém , o mesmo acontece com os amores , com as perdas . Uma visão periférica , de alguém sempre alegrinho , que parece nunca se abalar com nada . Queria mesmo mudar esta imagem , talvez seja realmente mais fácil , do que quem sabe , mudar a visão de outras pessoas .
Contraditório , já que na maioria das vezes , nem me importo com a imagem que os outros vem , sobre o que acham ou imaginam que sou . Muitos preferem até mesmo ignorar , já que os seres humanos usam outros de uma maneira tão descartável .
Gosto de essência , única . Que ou encanta alguns com sua auenticidade , ou até mesmo causam um incômodo passageiro . Mas é algo meu , que ninguém mais tem . Egoísta sim , não nego .
Tento todos os dias , tratar as pessoas com um pouco menos de prioridade , até porque eu já as decepcionei tantas , talvez por ser alguém tão individualista , e as vezes , tão fria . Tenho medo de ser tocada profundamente , e depois este alguém desaparecer por completo . A solução para isto , não é tão simples . Ou permaneço fria , sem permitir que meu coração se aqueça , ou encontro alguém que me toque fundo , e retire por completo este meu medo .